1 de novembro de 2016

Academia Brasileira de Ciência da Administração tem novos acadêmicos membros

A Academia Brasileira de Ciência da Administração (ABCA) tem quatro novos acadêmicos. São eles: Adm. Carlos Roberto Fernandes de Araújo, Adm. Mauro Kreuz, Carlos Homero Giacomini e Marcos Flávio Gonçalves. A cerimônia aconteceu na Fundação Getúlio Vargas (FGV), em Botafogo, e reuniu dezenas de pessoas entre familiares, amigos e colegas de profissão dos empossados, bem como parte do Conselho Diretor da ABCA.
O Adm. Carlos Roberto Fernandes Araújo, que também já atuou como conselheiro no CRA-RJ, mostrou-se honrado com a escolha de seu nome para compor a Academia.
“Há 20 anos, eu assisti à cerimônia de posse de um colega e pensei ‘será que um dia eu chego lá?’ e cheguei. Mas para chegar, a gente precisa planejar a trajetória profissional e acadêmica”, revelou o Administrador.
Médico e mestre em Administração, Carlos Homero Giacomini, defendeu a presença da Administração profissional em organizações públicas e privadas.
“A questão fundamental que se coloca na área da saúde é a questão da boa gestão, boa execução dos processos, bom atendimento, do trabalho voltado a resultados, metas claras e responsabilidade”, defendeu o acadêmico.
De acordo com o presidente do CRA-RJ, Adm. Wagner Siquera, conselheiro fiscal da ABCA, os novos acadêmicos levam diferentes experiências, que aliadas à competência profissional podem gerar ótimos resultados para a Administração. Mas alertou para a integração das Instituições em favor da Administração.
“É preciso que os braços operacionais da nossa profissão: o sistema de Conselhos, movimento sindical e as instituições culturais das diversas áreas de especialização deem concretude às formulações, discussões e teses que ABCA apresenta. As questões discutidas aqui precisam ter resultados operacionais no mundo lá fora também”, disse o presidente do CRA-RJ.
Academia Brasileira de Ciência da Administração – A ABCA foi criada no dia 20 de julho de 1973. No início eram 18 acadêmicos ligados à Administração nacional, tendo como primeiro presidente o Dr. Hélio Marcos Penna Beltrão. Atualmente, a ABCA comporta 50 cadeiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário